Animação de loading

Voluntarismo não tem idade, género, estatuto social ou profissional

Fundação ADFP celebrou Dia Internacional do Voluntariado no Parque Biológico da Serra da Lousã

O Dia Internacional do Voluntariado, um dia dedicado a todos aqueles que disponibilizam, de forma desinteressada, um pouco do seu TEMPO e VIDA no apoio aos que mais precisam, foi celebrado pela Fundação ADFP com uma iniciativa no Parque Biológico da Serra da Lousã.


A Fundação ADFP considera o voluntário um colaborado imprescindível e valioso ao funcionamento da organização. A organização tem 718 colaboradores, dos quais 124 são voluntários, com prémio de bolso, ou em regime de gratuitidade como é exemplo o Conselho de Administração.


Existe voluntariado desde as áreas sociais até aos guias do Parque Biológico da Serra da Lousã, passando pelos professores da Universidade Sénior e dirigentes; jovens universitários, profissionais no ativo ou reformados.


Os idosos da Residência Cristo Redentor no Senhor da Serra quiseram associar-se à iniciativa, e com o apoio dos voluntários do Parque Biológico da Serra da Lousã, realizaram criativas decorações de Natal com o reaproveitamento de troncos e ramagens, finalizando com a plantação de uma árvore. Uma iniciativa intergeracional que chamam à atenção para um voluntariado que não tem idade, género ou grau académico, mas solidário.


A grande novidade do Dia Internacional do Voluntariado 2016 foi o apoio e participação do Clube de Empresários de Miranda do Corvo. De acordo com o Hugo Serra, presidente do Clube de Empresário de Miranda do Corvo, “em instituições como a Fundação ADFP o voluntariado é uma força imprescindível e um valioso contributo para o funcionamento da Organização, pelo que este ano o CEMC, com muita honra, e no âmbito da sua responsabilidade social, associou-se a esta nobre causa, sendo parceiro da iniciativa. Pretendemos desta forma chamar a atenção para responsabilidade social das empresas e a promoção de iniciativas de voluntariado empresarial.”


Ceca de uma dezena de empresários locais e de concelhos vizinhos, como era o caso de Américo Duarte da EFAPEL de Serpins, responderam ao desafio do Presidente do Clube, Hugo Serra, e despenderam de alguns minutos das suas atividades profissionais para de forma solidária se associarem aos voluntários presentes, numa ação simbólica de plantação de uma árvore de espécie magnólia.


O Dia Internacional do Voluntariado foi uma iniciativa do Gabinete de Inserção Profissional Inclusivo e Clube UNESCO Trivium da Fundação ADFP, ao qual se associou o Clube de Empresários de Miranda do Corvo.

Comentários