Animação de loading

Refeitório com Teto na Casa Dignidade

Para 22 sem-abrigo durante a semana, e 47 no fim de semana

22 pessoas sem-abrigo jantam, em média, com teto e cuidados de higiene, durante a semana, e 47 durante o fim de semana, na Casa Dignidade, situada junto ao Parque Verde em Coimbra.

A Fundação ADFP definiu como objetivo para Coimbra, contribuir para uma cidade com pessoas em situação de "sem-abrigo: zero."

Para garantir logística, adquiriu uma moradia próximo do Parque Manuel Braga, na Av. do Brasil, a referida Casa Dignidade.

Depois de instalar uma equipa de voluntários, que iniciou contactos com pessoas em situações de sem-abrigo, abriu o seu "refeitório com teto". O objetivo é garantir que as pessoas possam jantar sem ser na rua, podendo ter acesso a cuidados de higiene pessoal.

A equipa de voluntários é liderada pela Professora Doutora Sónia Mairos, psicóloga Dalila Salvador, e psicólogo Pedro Machado, pessoas com experiência em intervenção comunitária, todos em regime de trabalho benévolo, não remunerado.

A Fundação ADFP acredita que a intervenção com as pessoas sem-abrigo deve ser muito ambiciosa, apostando na dignidade da pessoa em pobreza extrema. Neste processo é fundamental apoiar a pessoa com alterações de comportamento, doença mental grave ou comportamentos aditivos, com dependência de álcool ou outras drogas.

Para concretizar um projeto sem-abrigo zero é necessário, para além do apoio médico e psicológico, garantir hipótese de trabalho e casa/dormida com teto.

A Fundação defende uma cooperação de todas as organizações que apoiam pessoas sem-abrigo. Tomou mesmo a iniciativa de oferecer a Casa Dignidade de empréstimo às instituições de Coimbra que queiram usar as instalações para servir refeições aos sem-abrigo, deixando de o fazer na rua.

Tags
Comentários