Animação de loading

Não vai conseguir desviar o olhar de “O Cisne Negro”

Ciclo de Cinema sobre Saúde Mental no cinema de Miranda do Corvo

Drama e suspense são os ingredientes do próximo filme do Ciclo de Cinema sobre Saúde Mental, promovido pela Fundação ADFP, “O Cisne Negro”, realizado por Darren Aronofsky, que tem como protagonista Natalie Portman, vencedora do Óscar de melhor actriz, dia 7 de Fevereiro, pelas 18h00, com entrada grátis.

Para a revista Daily Variety trata-se de um “perverso thriller psicosexual”, em que Natalie Portman oferece-nos “a melhor interpretação da sua carreira” (Vanity Fair) como Nina, uma bailarina extremamente talentosa mas perigosamente instável, no auge do seu estrelato. Levada aos seus limites pelo seu exigente director artístico (Vicent Cassel) e com o protagonismo ameaçador de uma sedutora bailarina rival (Mila Kunis), a percepção de Nina sobre a realidade começa a desvanecer – atirando-a para um pesadelo bem real.

No final do filme, seguir-se-á o comentário de Manuela Vilar, docente da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, atualmente a elaborar a sua tese de doutoramento sobre avaliação da qualidade de vida em adultos idosos, com um debate aberto à comunidade.

O anterior filme do ciclo, exibido a 10 de Janeiro foi "O Solista", drama anglo-americano do realizador Joe Wright, comentado por Sónia Mairos Ferreira, licenciada em Ciências da Educação pela Faculdade de Psicologia e Assistente na Universidade de Coimbra.

O primeiro filme deste ciclo foi “O Guia para um final feliz” (2012), de David O. Russel, a 27 de Setembro último, que foi comentado por Pires Preto, antigo diretor clínico do Centro Hospitalar Psiquiátrico de Coimbra.

Este ciclo visa, por uma lado, sensibilizar as pessoas para os problemas da saúde mental e, por outro lado, contribuir para a formação nesta área, com o recurso a comentários de especialistas e abertura do debate à comunidade. 

Com respostas inovadoras na área da saúde mental, a Fundação ADFP dispõe dos serviços Diferente/ Igualmente, Serviço Comunitário de Saúde Mental, Fórum Sócio Ocupacional , tendo 46 utentes na residência Coragem (na sede),  21 na Unidade de Vida Apoiada (residência Tolerância no edifício do Cinema), 20 na residência Igualdade (Rio de Vide) e 44 na residência  Esperança (Godinhela). Recentemente foi inaugurado o Fórum Sócio Ocupacional do Senhor da Serra para 27 utentes.

Comentários