Animação de loading

Já estão em pleno funcionamento

Plantação agrobiológica da Fundação ADFP no Cadaixo

Os 2,7 hectares de terreno que a Fundação ADFP possui no Cadaixo para plantação agrobiológica, já podem contar com a entrada em laboração de duas estufas de 500m2 cada uma, que vão permitir a produção durante as 4 estações do ano.

Esta plantação, agro biológica, fornece produção para o armazém da instituição, abastecendo todas as valência, incluindo o Centro Infantil e o Restaurante Museu da Chanfana.

A Fundação, com estas iniciativas, cria emprego e torna-se mais independente economicamente.

Recorde-se que estes terrenos com quase 3 hectares, estavam abandonados e cheios de silvas há décadas, sendo a sua produção mensal agora de 11.700 kg de hortícolas. A Fundação, que é atualmente proprietária de quase 110 hectares de terrenos de construção, agrícolas e florestais, dos quais cerca de 80 na área do concelho de Miranda do Corvo, tem adquirido estes terrenos graças a poupanças que tem gerado, fruto de uma gestão rigorosa.

A área de produção agrícola e florestal integra ainda serviços de viticultura, jardinagem, pecuária, centro hípico e manutenção do Parque Biológico da Serra da Lousa possuindo dois técnicos: Victor Araújo e Pedro Faria, com coordenação de Fernando Marques.

Comentários