Animação de loading

“Estou muito bem impressionada com esta obra notável”

Procuradora que coordena Centros Educativos visitou Fundação ADFP

A procuradora da República do Tribunal da Relação de Lisboa, Maria do Carmo Peralta, coordenadora da Comissão de Acompanhamento e Fiscalização dos Centros educativos no país, visitou a Fundação ADFP.
Durante a visita às valências do Centro Social Comunitário, Maria do Carmo Peralta teve como cicerones, Paula Santos, Patrícia Fernandes e Rogério Fonseca, a quem se juntou mais tarde Jaime Ramos, que a guiou numa visita ao Espaço da Mente, no Parque Biológico da Serra da Lousã, antes de um almoço de trabalho.
Maria do Carmo Peralta revelou também que a sua visita se inseriu no âmbito da criação de “casas de autonomia para jovens que cometeram pequenos delitos”.
Os jovens serão inseridos nas comunidades locais, destinando-se estas estruturas a apoiar a transição para a vida adulta de jovens que possuem competências específicas, através da dinamização de serviços que articulem e potenciem recursos existentes.
Terão como principal objetivo mediar processos de autonomia de vida e de participação de jovens, minimizados riscos de exclusão, desenvolver acompanhamento de apoio a nível psicossocial, material, inserção sócio laboral, bem como estabelecer uma intervenção articulada e integrada da transição de jovens para a vida adulta.
 No final da visita, Maria do Carmo Peralta voltou a afirmar estar “muito bem impressionada com esta obra notável”.

Comentários