Animação de loading

O Pinheiro-Bravo (Pinus pinaster) é a Planta do mês

no Parque Biológico da Serra da Lousã

Conhecido por todos, o Pinheiro-Bravo é uma espécie originária do Sudoeste da Europa e do Norte de África e, trata-se de uma árvore de grande porte podendo atingir os 40 metros de altura. Apresenta um tronco coberto por casca espessa, castanho-escura, profundamente fendida, folhas persistentes em forma de agulhas com 10 a 25 centímetros de comprimento. É uma espécie que ostenta floração dos dois sexos e, os seus frutos são em forma de pinhas.

Possui um grande interesse económico dado oferecer uma grande produção de boa madeira utilizada em mobiliário, construção naval, combustível, entre outros. A resina que se extrai do pinheiro-bravo é usada na indústria de tintas e vernizes.

Atualmente, as populações desta espécie estão a sofrer decréscimos acentuados devido à doença da “Murchidão dos Pinheiros” causada pelo Nemátode da Madeira do Pinheiro (Bursaphelenchus xylophilus) e, o Parque Biológico da Serra da Lousã não está imune a este ataque pois 80% dos seus pinheiros manifestam sintomas desta praga.

 Assim, o presidente do Conselho de Administração da ADFP, Jaime Ramos, entidade responsável pelo Parque Biológico, apela a que todos venham visitar o parque, compreendam a necessidade e ajudem na reflorestação do Parque!

Comentários