Animação de loading

CONFECÇÃO DE DOCES TRADICIONAIS INTEGRARÁ FUTURAMENTE O

NO PARQUE BIOLÓGICO DA SERRA DA LOUSÃ

A FUNDAÇÃO ADFP na prossecução das suas Vertentes nomeadamente Sociais ,Económicas e Ambientais no PARQUE BIOLÓGICO DA SERRA DA LOUSÃ vai abraçar um" Projecto cofinanciado pelo Programa de Financiamento do INR. I.P às ONG" denominado " Museu Vivo dos Doces " .


O Projecto consistirá na construção e equipamento de um pequeno local de confecção de Doces e Compotas tradicionais, baseadas maioritariamente em produtos endógenos ,permitindo deste modo o acesso à Ocupação Terapêutica /Trabalho de Pessoas com desvantagens de vária ordem, e que possuem dificuldades de Integração Social e Laboral, algumas mesmo em formas de emprego protegido,e que por este facto sofrem de Isolamento Social.


A implementação de um Projecto com estas características, irá permitir aos visitantes do PBSL assistir in loco à confecção de doces regionais, no respeito pelas receitas tradicionais , e que serão comercializados numa primeira fase apenas na Loja de Artesanato,gerando proveitos, dando deste modo também o seu contributo para a Sustentabilidade do Parque.


É de referir que na Propriedade já trabalham cerca de 70 pessoas com vários enquadramentos, nomeadamente em Regime Ocupacional Remunerado,Emprego Protegido,Mercado Social de Emprego,Prestação de Trabalho a Favor da Comunidade e Quadro de Pessoal.


O Projecto ocupará os seus intervenientes o Ano inteiro considerando a Preparação de terrenos,Plantação,Rega,Tratamento,Poda,Limpeza,Colheita,Confecção,Embalamento e Comercialização, tornando-os parte integrante de todo o processo desde o trabalho ao Ar Livre promovendo nesta fase a Ecobiótica, componente importante no processo de Reabilitação dos grupos-alvo envolvidos.

Comentários