Animação de loading

Fundação ADFP apresenta Clube UNESCO Trivium

Encontro Nacional de Centros e Clubes UNESCO

Encontro Nacional de Centros e Clubes UNESCO


Fundação ADFP apresenta Clube UNESCO Trivium


A Comissão Nacional da UNESCO organizou o 3º Encontro de Centros e Clubes UNESCO, que decorreu dia 11 e 12 no Ministério de Negócios Estrangeiros em Lisboa, e onde foram apresentados os clubes e centros integrados em 2015.

A Fundação ADFP fez-se representar por José Miguel Ramos Ferreira e Nancy Rodrigues, que apresentaram o Clube UNESCO Trivium.

O Clube UNESCO Trivium opera no âmbito de atividades do Parque Biológico da Serra da Lousã, Espaço da Mente e Templo Ecuménico Universalista. Equipamentos que refletem valores civilizacionais, a proteção e promoção do património, a educação, a integração social e laboral de pessoas com necessidades especiais.

O Parque Biológico da Serra da Lousã é um parque temático que representa a Igualdade.

Igualdade da espécie humana entre as várias espécies na Natureza; a Igualdade entre as pessoas ou animais, pesem as suas dificuldades ou diferenças.

O Espaço da Mente parte do Homo Habilis, da aquisição da Mente e da exigência de Liberdade, para demonstrar a evolução e desenvolvimento da humanidade, através de narrativas e peças, enquanto resultado da materialização do pensamento.

O Templo salienta a tolerância e o respeito pelos diferentes. Um espaço de reflexão e de diálogo entre as várias religiões, incluindo os ateus e agnósticos. Consideramos o Templo, e todas as iniciativas que gera, a melhor forma de homenagear as vítimas de fanatismo e intolerância por motivação religiosa ou diferença étnico-cultural, promovendo um diálogo inter-religioso e intercultural. Pretendemos contribuir para uma cultura de Paz e de Tolerância.

A Comissão Nacional da UNESCO criou, com a Fundação a ADFP, um clube para o desenvolvimento de iniciativas que congreguem pessoas sem olhar a idade, género, etnia ou extrato social, promovendo a igualdade, liberdade e fraternidade entre todos. Foi protocolado por ocasião da colocação da 1ª Pedra do Templo Ecuménico, a 11 de Setembro, criando assim o 25º Clube UNESCO do país.

Os Centros ou Clubes UNESCO são grupos de pessoas (associações sem fins lucrativos, ONG, escolas, universidades, fundações, círculos culturais, sociais e administrativos da comunidade), de todas as idades, todos os horizontes, de todas as condições, que acreditam nos ideais da UNESCO e desejam apoiar a Organização na sua missão.



Constituem-se como um prolongamento da acção das Comissões Nacionais e têm como objetivo promover a UNESCO e os seus Programas, propagar os seus ideais através de atividades inspiradas nas atividades da Organização, contribuir para a formação cívica e democrática dos seus membros, apoiar os Direitos Humanos, favorecer a compreensão internacional e o diálogo entre os povos, difundir informação relativa à UNESCO junto do público, a nível local.

Salientamos que o projeto Parque Biológico da Serra da Lousã / Templo Universalista, foi escolhido em 2014, para representar Portugal no Prémio Internacional da UNESCO MADANJEE SINNGH para a promoção da tolerância e não violência.

Comentários