Animação de loading

Recolhemos todos os tipos de bens: nada se perde, tudo se aproveita ou transforma

Fundação ADFP assina protocolo com a H Sarah Trading Lda

A ADFP assinou protocolo com uma empresa de recolha de roupas, calçado e brinquedos usados para posterior tratamento e reencaminhamento para que possam de imediato, ser reutilizados ou reciclados.


A Instituição aceita todo o tipo de donativos, seja monetário ou em género. Faz a recolha dos bens doados, desde alimentação, vestuário, calçado, brinquedos, livros, equipamentos eletrónicos, mobiliário, etc. O excedente e inútil é canalizado para a reutilização ou reciclagem, agora com o apoio de um operador de gestão de resíduos.

Enquanto IPSS, a Fundação integra crianças, jovens, pessoas com deficiência ou doença mental crónica, idosos, mulheres grávidas ou mães em risco e refugiados, com valências e serviços sociais, saúde, desporto, cultura e turismo. A organização apoia regularmente cerca de 3400 utentes, dos quais 440 são residentes. Tem, para além da sede, três outros Centros Sociais no concelho, com 12 residências e vários serviços de externato.


A estrutura da ADFP exige muitos recursos e de variada natureza, tendo condições para fazer o aproveitamento de todos os bens doados, seja por encaminhamento para os utentes, reutilização através das oficinas, atividades artísticas ou domésticas, e quando não tem qualquer aproveitamento interno é recolhido para reciclagem.


A H Sarah Trading Lda fará essa última recolha e efetua um donativo à ADFP por cada tonelada de material recebido, evitando que bens passíveis de reutilizar ou reciclar seja canalizados para o lixo comum, um mau procedimento em termos económicos e ambientais. Constituindo, ainda, um ato de responsabilidade social, na medida em que o reaproveitamento reverte em valor doado à ADFP.

Comentários