Animação de loading

Fundação ADFP cria a Universidade Sénior do Mondego

Universidade Sénior funcionará a partir de Outubro no Colégio S. Martinho em Coimbra

A Fundação ADFP - Assistência, Desenvolvimento e Formação Profissional, vai criar a Universidade Sénior do Mondego (USM) que ficará sediada no Colégio de S. Martinho, em Coimbra, recentemente adquirido pela instituição para evitar o seu encerramento.


A Universidade Sénior do Mondego funcionará já a partir de Outubro estando abertas as inscrições para alunos, a partir dos 50 anos de idade, que pagarão uma propina de 50€ mensais e poderão frequentar todas as disciplinas onde existam vagas.


O programa da Universidade Sénior prevê como disciplinas a História, Cidadania, Envelhecimento Ativo, Atividades Físicas, Saúde, Novas Tecnologias, Artes, Terapias da 3ª geração (Mindfulness), atividades de relaxamento, gastronomia, turismo e culinária, proporciona ainda, atividades intergeracionais e oficinas nas férias de Natal, Pascoa e Verão.


Voluntários


Nesta fase de instalação a Universidade Sénior aceita inscrição de professores em regime de voluntariado. A Fundação acredita que neste processo de promoção de envelhecimento ativo se devem mobilizar boas vontades e interação de ganhos recíprocos entre quem ensina e quem aprende.


A USM será coordenada por Ricardo Pocinho, doutor em Psicogerontologia pela Universidade de Valência e com Pós-Doutoramento na área de formação de adultos pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra. O investigador, que durante algum tempo foi professor da Universidade Sénior da ADFP em Miranda do Corvo, tem coordenado vários projetos e formações na área do envelhecimento ativo, sendo considerado especialista na temática, tendo obra escrita sobre envelhecimento, formação ao longo da vida e este tipo de universidades.


A criação desta Universidade, a funcionar no Colégio de S Martinho, integra a visão de diálogo e convívio intergerações, que faz parte do ADN cultural inclusivo da Fundação ADFP. Nas instalações do colégio irão funcionar respostas para bebés, crianças e jovens. A presença de seniores a frequentar a Universidade do Mondego pode originar interações positivas para as famílias e alunos do colégio.


A Universidade Sénior da Fundação ADFP em Miranda tem ganho vários prémios nacionais tendo por essa razão um grande reconhecimento no País. Espera se que a Universidade Sénior do Mondego venha também a ter reconhecimento nacional devido às boas práticas.

Comentários