Animação de loading

Contratado um novo cozinheiro e um novo chefe de sala

Restaurante Museu da Chanfana reforçou equipa

O Restaurante Museu da Chanfana, merecida homenagem à gastronomia tradicional assente na carne de cabra velha, de porco e ainda na caça e pesca, reforçou a sua equipa, com a contratação de mais um cozinheiro, com experiência, e de um novo chefe de sala, desde a passagem de ano, período em que o Hotel Parque esteve lotado.

Adérito Gomes é o novo Chefe de sala e Jorge Antunes o novo cozinheiro que veio reforçar a equipa do "chefe" Victor Fernandes , com basta experiência em Portugal e na Europa e que está no Museu da Chanfana desde o seu início.

Adérito Gomes, um chefe de sala experiente, com curriculum em grandes hotéis internacionais possui agora no Museu da Chanfana e no Hotel Parque uma equipa jovem, com formação profissional adequada, que poderá melhorar a simpatia e qualidade do atendimento.

A nova equipa da cozinha vai renovar ementa sem esquecer a preservação da gastronomia tradicional.

A gastronomia é testemunho imaterial da história socioeconómica da região potenciando a imagem de Miranda do Corvo como Capital e Berço da Chanfana.

No Parque Biológico da Serra da Lousã poderemos reunir todas as etapas do Ciclo da Cabra, desde o seu nascimento até ao seu aproveitamento gastronómico, associados a um espaço envolvente onde predomina o verde e encontramos os animais em pasto.

O Museu da Chanfana aparece associado a um conjunto de factos históricos, práticas ancestrais e artes e ofícios artesanais. O aproveitamento integral da cabra reflete a pobreza, ruralidade e a pastorícia da região.

Pratos como a Chanfana, Negalhos e Sopa de Casamento, confecionados seguindo a receita genuína e os métodos mais tradicionais, são algumas das experiências gustativas disponíveis.

No Restaurante, ex-libris da gastronomia regional, é dada grande importância aos pratos tradicionais de carne de porco como o sarrabulho, o bucho e os enchidos.

A Real Confraria da Cabra Velha e a Real Confraria da Matança do Porco são parceiras do Restaurante Museu da Chanfana.

O Restaurante Museu da Chanfana integra um complexo turístico com o Hotel Parque Serra da Lousã.

Integrado no Parque Biológico da Serra da Lousã, com uma paisagem deslumbrante, dos 40 quartos do Hotel, há 29 twins, 8 duplos, 3 suites e 9 têm as comodidades necessárias para pessoas com mobilidade condicionada.

O Hotel Parque dispõe de restaurante, sala para reuniões, sala de leitura, piscina interior, SPA com massagens, sauna, jacuzzi, banho turco e ginásio, um campo de ténis, um campo de squash. Integrando o parque de lazer público existe um campo de areia, um minicampo de relva sintética e um pequeno circuito de manutenção com acesso a piscina exterior e parque infantil.

Esta unidade hoteleira de 4* pretende proporcionar estadias únicas aos seus hóspedes e tem condições perfeitas para famílias, disponibilizando quartos comunicantes e suites.

Os quartos dispõem de comodidades como cofre, minibar, tv, música, wifi grátis, ar condicionado, varanda e na casa de banho, secador de cabelo e espelho de aumento.

O Hotel Parque tem como tema os Deuses da mitologia greco-romana, uma forma de fazer uma ponte ao Templo Ecuménico que está a ser construído junto do Parque Biológico Serra da Lousã.


Comentários